Quatro anos depois de ter sido lançada nos mercados de aplicações móveis, a Inbox vai ser descontinuada. A app de email da Google, desenvolvida para testar formas inovadoras de abordar os serviços de correio eletrónico, tem vindo a perder fulgor ao longo dos últimos meses, especialmente depois do redesign aplicado ao Gmail pela tecnológica de Mountain View. A aplicação deverá desaparecer do mercado em março do próximo ano.

De acordo com a Google, a empresa quer ter uma "abordagem mais focada" ao email, o que se traduz no isolamento do Gmail enquanto a única app do género da gigante norte-americana.

Se é um ávido utilizador do serviço, é provável que não tenha grandes problemas a despedir-se da aplicação, uma vez que a maioria das funcionalidades inovadoras que esta apresentava no início já estão implementadas no Gmail, como é o caso do Smart Reply e do Smart Compose, por exemplo.

A maior adversidade desta medida vai ser a supressão de um espaço de teste para funcionalidades novas. O Gmail continua a poder servir de cobaia para essas experiências, mas as mal sucedidas poderão impactar a reputação e a satisfação que os utilizadores têm com este serviço.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.