Considerando a adaptação da Huawei a um ecossistema próprio desde que deixou de poder utilizar os Google Services, a fabricante chinesa tem aberto diversas ramificações da sua AppGallery. A plataforma de distribuição de aplicações ganha agora o GameCenter, uma loja digital totalmente dedicada a videojogos que pode aceder na AppGallery.

Segundo refere, a loja tem como objetivo criar uma experiência única para os jogadores através de dois serviços principais: conteúdo e bem-estar do utilizador. Com o GameCenter, os utilizadores podem ter acesso aos jogos em pré-compra, a novos títulos e às propostas mais populares.

A Huawei promete ainda que os utilizadores tirem partido de pacotes de jogos online exclusivos e ofertas quando estão a jogar, através dos quais podem melhorar o seu perfil, desbloquear mais descontos e desfrutar de mais benefícios.

O GameCenter inclui alguns jogos exclusivos, tais como Starship Legion-AMG, BORN AS EPIC, Farm Legend, Survival Road, Ellr Land e outros mais. Os utilizadores podem ainda encontrar novos jogos, como Dynasty Legends: True Hero Rises do Chaos, Goddess MUA, etc. Nas suas ofertas exclusivas, os utilizadores vão encontrar vários pacotes de assistência do GameCenter com benefícios.

A plataforma também procura oferecer aos criadores e programadores que estão a trabalhar com a Huawei uma oportunidade para chegar a um público mais vasto, contando com 700 milhões de utilizadores a nível global. Existem 1,6 milhões de programadores registados no Huawei Mobile Services que estão a trabalhar para criar experiências únicas, refere a fabricante, capazes de incorporar os recursos de chipset-device-cloud da Huawei. A fabricante refere que na sua lista de developers encontram-se algumas empresas globais na produção de videojogos, como a Lilith, IGG, Gameloft e a Forshow.

A Huawei oferece aos seus programadores e developers alguns outros benefícios, tais como serviços de avaliação profissional gratuitos para poder obter feedback das produções; ajuda na integração dos seus jogos no ecossistema HMS com suporte técnico; acesso ao programa “Shining-Star” com fundos de incentivo de mil milhões de dólares; e claro, parte das receitas dos jogos vendidos, assim como oferta de espaço publicitário e promocional dos seus títulos.

No futuro, o GameCenter pretende introduzir uma comunidade social, para que os jogadores criem relações entre si, fazer amigos e construir comunidades de fãs com os mesmos interesses.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.