Modéstia à parte, as aplicações que o TeK foi sugerindo ao longo da semana podem revelar-se bastante úteis tendo em conta a utilização que cada um faz do smartphone. Não acredita? Adiantamos desde já que há uma app que pode reduzir até 50% o seu consumo de dados, o que para tarifários mais 'apertados' pode ser uma grande vantagem.

Também falamos do Prune, aquele que para muitos já é o jogo do ano - não só entre dispositivos móveis, mas entre os grandes da indústria. E há também espaço para uma ferramenta de 'guerrilha' da Microsoft e que pode 'calar alguns críticos' do Windows Phone que apenas sabem argumentar contra a falta de aplicações do sistema operativo.

E claro, também já dentro do espírito Star Wars, uma sugestão que vai alterar por completo os serviços da Google que usa diariamente. Que a força esteja consigo, para poder descobrir as nossas sugestões ao longo das próximas páginas.

--

 

Escolha o lado da força no Gmail, Chrome e YouTube

Há um ano era lançado o primeiro teaser do ainda por estrear Star Wars: The Force Awakens, e desde aí que o entusiasmo por aquele que é o sétimo capítulo da saga tem sido crescente. A Google decidiu alimentar a febre e contribuir para despertar a força que há em nós.

 

A gigante da internet diz que começou logo a pensar num tributo à saga cinematográfica e aos seus fãs espalhados por todo o mundo desde que ouviu falar do Episode VII, o primeiro realizado sob a égide da Disney.

Uniu-se à produtora e à Lucasfilm e desde esta segunda-feira que oferece aos utilizadores das suas diferentes aplicações a hipótese de escolherem o lado da força com que melhor se identificam.

A partir do endereço google.com/starwars é possível escolher o Lado da Luz ou o Lado Negro e ver o Gmail, Google Maps, YouTube, Chrome e outras aplicações mudarem de aspeto ao vestirem a “capa” correspondente.

Sem qualquer problema, pode sempre experimentar os dois lados da força, à vez, consoante a disposição (ou simplesmente por curiosidade).    

Além das capas, a Google diz que também há alguns easter eggs Star Wars escondidos por aí…

Veja a próxima aplicação

Opera Max agora ajuda ainda mais a poupar dados móveis 

Se está perto do limite do plano de dados mas não pode deixar de usar o telemóvel para estar online, a Opera Max pode ser-lhe muito útil. A aplicação acaba de ser atualizada e agora consegue diminuir o consumo de dados em mais sites. 

 

A tecnologia permite comprimir os dados móveis antes de estes chegarem ao smartphone e graças a isso diminui o tráfego e dá-lhe mais margem para gerir o plafond disponível. Dá-lhe também mais autonomia de bateria, uma vez que torna os processos mais leves e mais rápidos.  

Mas além destas características, a aplicação gratuita da Opera tem outra vantagem. Acabou de ser atualizada e a nova versão passa a estender a compressão de dados a um conjunto de serviços de streaming, como o Netflix ou o YouTube.

A utilização da Opera Max pode reduzir o consumo de dados móveis até 50%, garante a empresa que desenvolveu a tecnologia. 

 

Veja a próxima aplicação

Prune: o jogo que está a conquistar utilizadores em todo o mundo

Foi recém nomeado pela revista Time como o melhor jogo do ano, mas antes já muitas publicações especializadas tinham dado o seu aval a Prune. Neste título o jogador tem de certificar-se que acompanha da melhor forma o crescimento de uma árvore.

 

Prune é daqueles jogos que mistura vários elementos nas quantidades certas para criar uma experiência única. O conceito do jogo até pode parecer desencorajador para muitos: o objetivo é fazer crescer uma árvore e garantir que ela consegue chegar até à luz natural, onde vai florescer.

Mas o caminho não vai ser fácil. O utilizador precisa de cortar as partes da planta que não são vitais para que o seu tronco principal possa continuar a evoluir.

Tudo isto é feito com recurso a um design cuidado, minimalista e que faz lembrar a cultura japonesa. O próprio jogo está depois envolto numa aura zen que ganha ainda mais ênfase graças à banda sonora calma e passiva.

O jogo é pago, com o preço a rondar os quatro euros nas diferentes plataformas onde está disponível: WindowsAndroid e iOS.

Se é dos que não gosta de investir em aplicações móveis, pense que esta pode ser uma ótima ante-prenda de ‘si para si’ até que os verdadeiros presentes de Natal comecem a chegar.

 

 

Veja a próxima aplicação

Nova versão da Giphy Cam traz opções para fazer GIFs ainda mais animados

Criada por um dos maiores bancos de GIFs, a aplicação Giphy Cam permite agora fazer as populares animações a partir das galerias de fotos ou vídeos do telefone. Mas há mais novidades.

 

Além de já não obrigar a usar a câmara a partir da app, a versão 2.0 aceita a sobreposição de mais do que uma camada de filtros num mesmo GIF. Também é possível adicionar texto.

De resto os GIFs continuam a poder ser feitos a partir de clips com um máximo de 10 segundos ou juntando cinco fotos.

Também continua igual o facto de a aplicação só existir para dispositivos iOS, sem previsão de chegada às outras plataformas móveis.

 

 

Veja a próxima aplicação

Gosta do Windows Phone mas acha que tem poucas aplicações? Faça este teste

O número de aplicações disponíveis é um dos calcanhares de Aquiles do sistema operativo móvel da Microsoft. Pelo menos há essa ideia. A empresa quer mostrar que é só um mito e lançou uma aplicação para o fazer desaparecer.  

 

A aplicação está disponível para Android e é uma clara piscadela de olho aos utilizadores do sistema operativo da Google, que sem sair do seu ambiente habitual podem conhecer mais sobre uma das opções concorrentes.

A ideia desta AppComparison é ajudar a desmistificar a convicção de que o sistema operativo é pouco diversificado em termos de aplicações e que por lá não passam muitos dos hits, que mais tarde ou mais cedo vamos querer instalar no smartphone.

Vai identificar as preferências dos utilizadores e procurar correspondências na loja do Windows, que podem ser as versões da mesma aplicação para a plataforma da Microsoft ou aplicações equivalentes.

Se decidir fazer esta viagem, a Microsoft também aproveitará o seu interesse no tema para mostrar as aplicações de maior sucesso no universo Windows Phone.  

 

Veja a próxima aplicação

Um jogo de telemóvel pode ensinar os conceitos básicos da matemática? Sim, pode

Ensinar às crianças como somar, multiplicar e dividir é precisamente a intenção do jogo Zombie Fish Bits da Primal Math. Mas tudo sem perder o conceito de jogo e a animação que os mantém presos ao ecrã.

 

O jogo usa personagens e ambientes animados, no caso uns peixes zombie, para levar os mais novos a completarem tarefas onde é exigido que façam cálculos para colecionar os blocos que alimentam os peixes.

Por detrás do jogo estão todos os conceitos matemáticos, e a lógica necessária para ir passando os diferentes niveis, com a exigência a aumentar progressivamente.

O jogo Zombie Fish Bits está disponível para iPhone e iPad e a versão gratuita dá acesso aos dois primeiros níveis. Para continuar a usar é preciso fazer contas e ver se vale a pena pagar.

Veja em baixo o vídeo que mostra algumas das imagens do jogo.

Resto de bom fim de semana!

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.