O acordo terá sido assinado na quarta-feira, segundo a Wired, e será entregue num tribunal federal de São Francisco nas próximas semanas, garantindo o pagamento a centenas de milhares de utilizadores dos dispositivos da Apple.

Vários processos de utilizadores nos tribunais de São Francisco alegavam que a Apple se recusava a reparar e a substituir os equipamentos avariados dentro do prazo de garantia de um ano, ou da extensão a dois anos.

O acordo vai agora ser proposto ao juiz, mas terá de ser aprovado, apesar da Apple admitir a sua culpa na questão.

Os equipamentos afetados incluem o iPhone original, o 3G, GS e as primeira e segunda gerações do iPod Touch. Os pagamentos podem rondar os 200 dólares, mas o valor pode ser mais baixo ou mais alto conforme o número de pedidos de indemnização submetidos.

A política de garantias da empresa tem criado problemas para a Apple, que já foi processada na Bélgica e que recentemente pediu desculpas aos utilizadores na China, tentando pôr fim a um problema que estava a ganhar proporções elevadas.

Tamb´m em Portugal a DECO admitiu que poderia processar a Apple pela política de garantias, que não cumpre a legislação nacional, e a própria comissária europeia para a Sociedade da Informação, Nelie Kroes, se mostrou desapontada por não existirem mais processos judiciais contra a empresa.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.