A HTC pretende reforçar a sua aposta em smartphones baseados em blockchain. A empresa de Taiwan anunciou o lançamento do Exodus 1s, uma versão mais acessível do seu “flagship” Exodus 1, que foi apresentado no ano passado.

Não se sabe ainda que preço irá ter o novo dispositivo de gama média. Contudo, a Engadget adianta que este deverá situar-se entre os 250 e os 300 dólares (cerca de 220 e 265 euros, respetivamente), um valor bastante inferior ao do Exodus 1, que chegou ao mercado por 699 dólares (aproximadamente 620 euros).

Em comunicado enviado à imprensa, a HTC justifica a descida do preço da seguinte forma: “vai permitir que utilizadores em economias emergentes, ou aqueles que queiram experimentar o blockchain pela primeira vez, tenham um acesso mais fácil e com um preço mais acessível. Isto vai democratizar o acesso a esta tecnologia e contribuir para a sua proliferação e adoção a um nível global”.

A empresa taiwanesa acrescenta que a data de lançamento está prevista para o final do terceiro trimestre de 2019, mas pouco ou nada se conhece sobre especificações básicas, como o processador, ecrã ou câmara.

Sabe-se, no entanto, que tal como o seu antecessor, o Exodus 1s vai suportar a aplicação Zion, da HTC. Este software é utilizado para armazenar, enviar e solicitar várias criptomoedas, incluindo Bitcoin, Ether ou Litecoin. Nesse sentido, a HTC lançou também o “software development kit” (SDK) Zion Vault no GitHub, para que programadores possam desenvolver e melhorar o software. De acordo com a HTC, a medida deve-se ao facto de a empresa considerar “que é necessária uma comunidade para garantir força e segurança, por isso é importante para a equipa do Exodus que a nossa comunidade tenha as melhores ferramentas à sua disposição”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.