Anunciados oficialmente no dia 14, os novos iPhone Xs e Xs Max chegaram hoje às lojas, e como tem sido habitual,  ser o primeiro a comprar os equipamentos da Apple gera uma “febre” de entusiasmo, um pouco por todo o globo. Até o novo modelo Series 4 do Apple Watch contribuiu para o frenesim na abertura das lojas.

A expetativa era elevada em Omotesando, em Tóquio, onde foram contabilizadas pelo menos 250 pessoas à porta da Apple Store, sob chuva intensa, mesmo tendo garantido o seu exemplar nas campanhas de pré-encomenda. Esta febre tem-se replicado um pouco por todo o mundo, com os clientes a acamparem durante a noite para serem os primeiros, seja nas lojas no Dubai, Sidney, Colónia, Singapura, Tóquio ou Berlim.

Os seguranças garantiram que os clientes se mantivessem calmos e ordeiros, mas no fim a devida recompensa e as fotos da praxe, com os primeiros utilizadores a ostentarem os seus novos equipamentos, com a felicidade estampada na cara.

Outra história relacionada com o lançamento dos smartphones é sobre um hacker que conseguiu comprar 502 iPhones por 3 cêntimos, aproveitando uma falha da Apple. Trata-se de Chang Chi-yuan, um engenheiro informático chinês que ficou conhecido por ter apagado posts no Facebook do próprio Mark Zuckerberg, explorando uma falha na plataforma.

tek iphone xs

Não é a primeira vez que o hacker trapaceia a marca da maçã, tendo adquirido um iPhone mais barato anteriormente, e a nova “encomenda” está avaliada em 539.000 dólares. No entanto, o “ataque” serviu apenas como um alerta, já que depois das respetivas fotografias como prova de compra, o engenheiro cancelou-a após receber a confirmação da transação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.