A Reuters avança hoje que a Nokia está a contratar especialistas de software, a testar novos produtos e a procurar parceiros de vendas no âmbito de uma estratégia para regressar ao mercado de smartphones e produtos de consumo. A empresa tem de esperar até 2016, quando se cumpre um acordo de não concorrência com a Microsoft, mas as preparações estão em curso.

A tecnológica finlandesa já tinha admitido que a venda da unidade de negócios de telemóveis à Nokia não seria a sua última palavra neste mercado, e entretanto já colocou à venda um tablet e uma câmara de "realidade virtual".

A empresa está a terminal a aquisição da Alcatel-Lucent no meio de uma grande transformação que passou também pela venda da unidade de mapas HERE a um consórcio da indústria automóvel. 

Rajeev Suri, CEO da empresa, já tinha admitido que a Nokia está de regresso aos telemóveis e que estaria á procura de parceiros. A ideia passará por desenhar modelos e licenciá-los a outras companhias que pretendam fabricá-los.

Mas não é só isso, a fabricante também pretende ceder o nome para uso comercial nos modelos que desenhe e por isso a marca Nokia voltará mesmo a chegar às lojas. Resta saber se conseguirá alcançar o sucesso de outros tempos. 

No top 10 dos telemóveis mais vendidos de sempre, a Nokia continua a garantir lugar de destaque ocupando várias posições. Está aí listado o popular 3310, na memória de milhões de pessoas em todo o mundo e outros êxitos de uma geração longínqua de equipamentos.

Recorde na galeria abaixo alguns dos modelos mais icónicos de sempre.

 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.