A Motorola apresentou há pouco menos de duas semanas o novo RAZR numa versão dobrável, a linha de smartphones que a colocou no topo da indústria nos anos 2000. Mas a empresa pode estar já a trabalhar numa nova versão e com oito sensores, quatro em cada lado, como sugere uma nova patente.

Os oito sensores podem ser bastante úteis no dia-a-dia e iriam funcionar de maneira diferente, consoante o smartphone estivesse aberto ou fechado. Por exemplo, quando aberto poderia abrir algumas das suas apps mais utilizadas e quanto estivesse fechado poderia ser útil para usar o Google Assistant. De acordo com o Let's Go Digital, a combinação de sensores de toque pode permitir 20 funções e gestos diferentes.

Ainda assim, os oito sensores de toque nas laterais do smartphone podem apresentar também alguns problemas. Um dos mais óbvios é certamente o acionar das funções através do simples segurar do equipamento.

O novo RAZR lançado este mês tem um ecrã dobrável de 6,2 polegadas, uma câmara dupla de 16 MP, frontal e traseira, e 5 MP, no caso da interior. Quando encaixado, e com uma menor dimensão, o smartphone pode ser utilizado de diferentes formas.

No ecrã exterior mais pequeno, de 2,7 polegadas, pode ver as horas ou a bateria e receber notificações. Apesar de não poder escrever mensagens nesse ecrã poderá sempre responder através de áudios que serão transformados em texto ou avaliar o seu aspeto nas selfies.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.