Antes do final do ano a Qualcomm vai apresentar a sua nova geração de chips, nomeadamente o Snapdragon 875. Já existe pelo menos um modelo protótipo a utilizar o novo SoC, nomeadamente um equipamento 5G da Samsung, registado como SM-G9910, que poderá ser o no Galaxy S21. Já na China o primeiro smartphone a utilizar o processador poderá ser o Xiaomi Mi 11, considerando os rumores.

Segundo a Gizchina, citando o especialista chinês DigitalChatStation, conhecido por divulgar informações antecipadas sobre tecnologia, o novo chip vai utilizar um processo de fabrico de 5 nanómetros, com um núcleo grande de 2,84 GHz, três núcleos A78 de 2,42 GHz e quatro núcleos A55 de 1,8 GHz. O SoC inclui ainda o GPU Andreno 660.

Entre algumas informações técnicas, é referido que o novo SoC vai ter melhorias a nível de fluidez de cache e memória. O design do novo processador tem como principal foco o consumo baixo, mas mantendo uma performance elevada.

O novo processador já apareceu inclusivamente na lista de pontuações do benchmark AnTuTu, dando um “enorme” salto de performance, ou seja, registando mais 25% que o anterior Snapdragon 865. O SoC registou 847.868 pontos, contra os 663.000 pontos que a geração anterior, ou seja, 184.000 pontos de diferença, o que é considerado um salto enorme, segundo os especialistas.

A revelação oficial do Snapdragon 875 deverá ser feita no dia 1 de dezembro, numa conferência marcada no Havai.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.