Os novos dados disponibilizados pela empresa indicam agora que no final do ano as vendas de smartphones terão crescido 10,4%. As primeiras estimativas apontavam para um crescimento de 11,3%, longe dos 27,5% alcançados há um ano.  

Para o abrandamento contribui sobretudo a maturidade do mercado chinês, o maior do mundo neste segmento e que no ano passado absorveu a venda de 32,3% dos smartphones comercializados em todo o mundo.

A maturidade do mercado chinês junta-se à dos Estados Unidos e da Europa que já tinham atingido o mesmo estádio, fazendo abrandar o ritmo de vendas dos dispositivos.

Este ano as vendas de smartphones na China deverão crescer apenas 1,2%, quando em 2014 avançaram 19,7%.

Recentemente também a Gartner apresentou números para o mercado de smartphones, neste caso relativos às vendas no segundo trimestre, que já revelam o abrandamento que se espera venha a influenciar todo o ano. 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.