A Apple acaba de revelar as primeiras funcionalidades da nova versão do sistema operativo para iPhone e iPad, e demonstrou-as no palco do Moscone Center, onde decorre a conferência de programadores WWDC15. E nada melhor para o fazer do que planear uma noite de Karaoke.

A versão beta do novo iOS 9 para Developers fica disponível já hoje mas a versão para o público só pode ser instalada em julho, sendo a versão final esperada para o próximo outono.

A ideia na base da nova versão do sistema operativo é tornar o smartphone um assistente ainda mais eficiente, antecipando os seus movimentos com base na localização e na hora, a aplicação que quer abrir ou os devices onde está ligado.

Craig Federighi garante que o iOS foi remodelado "de cima abaixo", começando com melhorias nos fundamentos do sistema operativo que permitiram as mudanças que vão ser visíveis para os utilizadores dos dispositivos móveis da Apple. Mas mesmo assim é menos pesado do que o iOS 8, e vai demorar menos a fazer o update.

Uma das mudanças mais visíveis é a velocidade de resposta da assistente pessoal Siri, que é agora 40% mais rápida e também mais precisa. Craig Federighi revela que o serviço recebe mais de mil milhões de pedidos por semana e que agora há mais tópicos sobre os quais a Siri pode ser questionada.

Procurar fotografias e vídeos específicos, a definição de um alerta para acabar de ler um artigo na Web ou a receita de um bolo de chocolate, são algumas das novas funcionalidades.

Mas se ligar o iPhone ao sistema do carro o iOS também poderá dar-lhe de imediato uma sugestão sobre um audiolivro ou uma música. E de manhã, quando pegar no telemóvel, o iOS já sabe qual a primeira aplicação que vai querer abrir.

Contactos recentes, ou locais, fazem também parte das sugestões, mas a Apple garante que a privacidade dos utilizadores não é posta em causa já que as pesquisas associadas ao Apple ID não são partilhadas com terceiros.

Com o novo iOS 9 há também novidades no sistema de pagamentos Apple Pay, que conta já com mais de 1 milhão de localizações e chegando agora em Julho ao Reino Unido, e na app Notes, que foi redesenhada e que salta agora também para os computadores Mac, com sincronização direta entre os vários dispositivos, à semelhança do que acontece no OneNote da Microsoft.

Nos mapas há também alterações com uma nova vista de trânsito, que ainda tem um alcance limitado em termos de número de cidades, e pesquisa de locais próximos.

Mas uma das principais novidades é a aplicação News, um agregador de conteúdos noticiosos que adiciona valor a quem gosta de ler o que de melhor se publica na Web e que para já está limitado aos utilizadores dos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália, contando já a bordo com publishers como o The New York Times, ESPN e Condé Nast.


Mais bateria e rapidez no desempenho


As mudanças do sistema operativo não se refletem apenas nas funcionalidades e nas aplicações mas também na duração da bateria que a Apple garante que ganha mais uma hora de vida útil face ao iOS 8, uma afirmação que ainda tem de dar provas.

As aplicações integradas no iOS 9 tiram agora partido do Metal, com um scroll mais rápido, animação mais suave e melhor performace no geral.

Foi ainda introduzido um sistema de autenticação em dois passos para o iOS 9 para aumentar a segurança.

Veja ainda todas as restantes novidades apresentadas pela Apple no WWDC15.

Nota da redação: a notícia foi sendo atualizada à medida que decorria a apresentação no WWDC15.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.