Quando faltam poucas semanas para que o serviço Apple Music complete três meses no mercado - acabando assim o período de testes para muitos utilizadores -, o responsável internacional e vice-presidente do iTunes, Oliver Schusser, admite que ainda há trabalho a fazer no serviço.

“Existe muito trabalho que está a ser feito para tornar o produto melhor. O nosso foco está na área editorial e na listas de reprodução. Mas também estamos a adicionar funcionalidades e a limpar determinadas coisas”, disse o executivo ao The Guardian.

Um dos trabalhos que ainda está a ser desenvolvido é o desenvolvimento do Apple Music para o sistema operativo Android e para os sistemas de som da Sonos, confirmou o responsável do iTunes.

Oliver Schusser adiantou ainda que para a tecnológica de Cupertino a funcionalidade social do serviço de streaming, o Connect, está a ser um sucesso, com vários artistas a juntarem-se à plataforma a cada dia.

Mas a verdadeira prova de fogo ainda está para vir. No início de agosto a Apple revelou que tem 11 milhões de utilizadores no Apple Music. Mas o número que importa vai ser conhecido no final deste mês quando acabar o período de utilização gratuita para muitos deles: pagam os 9,99 euros ou vão procurar outras alternativas?

A marca da maçã pode revelar novos números sobre o serviço de música por streaming já na próxima semana, quando deverá fazer a apresentação do novo iPhone.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.