Os astronautas chineses Liu Boming e Tang Hongbo completaram, no último domingo, o seu primeiro passeio espacial como tripulantes da futura estação orbital Tiangong, que a China quer ter pronta no próximo ano.

A televisão estatal transmitiu a saída e os primeiros passos dados pelos astronautas para realizarem algumas tarefas técnicas importantes para o bom funcionamento da estação espacial chinesa, nomeadamente verificar a capacidade de movimentação de um braço robótico que ajudará na construção do resto da estrutura. No total, o “passeio” terá durado perto de sete horas.

Liu Boming e Tang Hongbo saíram do módulo central Tianhe, onde ficou o terceiro elemento do grupo, o comandante Nie Haisheng, como apoio. Este foi o primeiro passeio espacial para a China dos últimos 13 anos. A última vez tinha sido em 2008, envolvendo a tripulação da espaçonave Shenzhou-7.

Os três astronautas tinham descolado do Centro de lançamento espacial de Jiuquan a 17 de junho último, rumo à estação espacial Tiangong [Palácio Celestial] para uma estadia de três meses.  Estão alojados no módulo principal da estação, o Tianhe, com um comprimento de 16,6 metros e 4,2 metros de diâmetro máximo.

Funcionando como centro de controlo e habitação dos astronautas, este primeiro módulo foi colocado na órbita terrestre, entre 350 e 390 quilómetros de altitude, em abril. Refira-se que a estação espacial chinesa vai orbitar um pouco abaixo da Estação Espacial Internacional (ISS na sigla em inglês), que é quatro vezes maior.

A decisão de construir uma estação espacial chinesa surgiu depois de os Estados Unidos reusarem que a China participasse na Estação Espacial Internacional.

A ISS, que reúne os Estados Unidos, a Rússia, o Canadá, a Europa e o Japão, assinalou em 2018 os 20 anos em órbita e deve deixar de estar operacional em 2024, apesar de a NASA ter já mencionado a possibilidade de prolongar o funcionamento até 2028.

A estação espacial viaja uma distância equivalente a ir à Lua e voltar em cerca de um dia. Mas há outras curiosidades para saber sobre o quarto com a melhor vista do mundo sobre o Planeta Azul e arredores.

Um vídeo em timelapse permite a quem está em Terra ter uma visão privilegiada a partir da Estação.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.