Um par de óculos de realidade aumentada da Microsoft, os HoloLens, vai ser enviado para a Estação Espacial Internacional (ISS na sigla em inglês) na próxima missão de abastecimento feita pela SpaceX, já durante este fim-de-semana, a 28 de junho.

O dispositivo, inserido no Projeto Sidekick, vai ajudar os astronautas de duas formas. A primeira é através do modo “Remote Expert” onde o astronauta terá uma janela do Skype projetada no seu campo de visão enquanto um técnico, na Terra, vai dando orientações sobre como se processam algumas tarefas mais complexas, sobretudo ao nível de arranjos mecânicos.

A segunda funcionalidade é o modo “Procedure” onde se sobrepõem “ilustrações holográficas animadas sobre os objetos em que a tripulação está a interagir", explica-se no comunicado da agência espacial.

Nos dois casos, a NASA afirma que o dispositivo vai ajudar a reduzir a quantidade de treinos que uma equipa de astronautas precisa de fazer, mesmo até nos procedimentos mais complicados ajudando assim a garantir que estão prontos para qualquer tarefa.

“Esta nova tecnologia pode também capacitar futuros exploradores que exigem uma maior autonomia na viagem a Marte”, declarou Sam Scimemi, diretor do programa da ISS, na mesma nota de imprensa. Uma outra parceria tendo como foco o planeta vermelho já tinha sido anunciada durante a revelação do projeto Hololens.

Como mostra o vídeo que se segue, alguns elementos da Microsoft já testaram os HoloLens no avião Weightless Wonder C9 da NASA para garantir que consegue “sobreviver” à gravidade zero.

A agência espacial prevê que os óculos comecem a ser utilizados de forma mais funcional até ao final de 2015 e a Microsoft tem planos para enviar mais unidades do equipamento em futuras missões de reabastecimento.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.