O projeto Mars Trek já dava acesso à navegação pelo planeta com base em imagens e dados captados nos últimos 50 anos, oferecendo aos mais curiosos, alunos, cidadãos e cientistas, uma forma de explorar o terreno e ajudar na missão.

Agora a Experience Curiosity leva a experiência mais longe em conjunto com o robot que tem realizado as mais significativas explorações em Marte, simulando o terreno em 3D com base nos dados que têm sido recolhidos e dando aos utilizadores uma visão única do dia a dia no planeta.

Uma equipa da Nasa já está a usar o Mars Trek para ajudar a escolher o local onde vai "amartar" a próxima missão, em 2020, e a aplicação vai ser usada como parte do novo processo para selecionar também locais candidatos à exploração humana do planeta, prevista para 2030. Mas é também uma ferramenta de entretenimento.

A experiência tem mapas interativos e pode ser experimentada num browser com comandos de jogos, ou usando o teclado e rato. Os mais aventureiros podem ainda imprimir modelos físicos da topografia em impressoras 3D.

A aventura do Curiosity no planeta Marte começou a 6 de agosto de 2012 e o rover já fez um percurso significativo e descobertas relevantes no planeta vermelho que ainda estão a ser analisadas pelos cientistas.

Recorde algumas imagens mais marcantes da missão da NASA em Marte.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.