A operadora russa de telecomunicações Yota anunciou um smartphone de marca própria que se distingue da concorrência por ter dois ecrãs: um e-Ink e um LCD. Os dois ecrãs do YotaPhone são sensíveis ao toque e estão posicionados, em separado, nas duas faces do dispositivo.

Enquanto o ecrã LCD funciona como o ecrã normal de qualquer smartphone, o ecrã e-Ink pretende funcionar como uma janela de informação constante para o utilizador, que assim só tem que rodar o smartphone para saber quais as notificações ou emails que tem por ler - e poder dar uma leitura numa tecnologia mais agradável ao olho humano.

"Atualmente se quiser verificar o email, calendário ou perfil de rede social, é preciso pegar no telemóvel, desbloqueá-lo, abrir a aplicações e só aí receber a informação. Com o YotaPhone, a informação vai aparecer no ecrã w-Ink sem qualquer dificuldade, de forma contínua e em tempo real", referiu o diretor executivo da Yota, Vlad Martynov.

[caption]Tek YotaPhone[/caption]

[caption]Tek YotaPhone[/caption]

Segundo o Engadget, o telemóvel foi apresentado na quarta-feira e além dos dois ecrãs com um tamanho de 4,3 polegadas, vem equipado com um processador de dois núcleos Snapdragon S4 a 1,5Ghz, 2GB de memória RAM e 32GB ou 64GB de armazenamento interno. O dispositivo tem ainda um sensor fotográfico de 12 megapixéis, moldura sensível ao toque, suporte para redes 4G e uma bateria de 2100mAh.

O sistema operativo do YotaPhone é o Android na versão 4.2.

[caption]Tek YotaPhone[/caption]

Segundo as previsões da operadora russa, o smartphone vai ficar disponível no mercado na segunda metade de 2013 e ainda não existem informações sobre quanto pode vir a custar.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.