Chama-se Michelle Vandy, tem 25 anos e é atualmente designer na empresa Omada Health. Aos 20 anos ingressou num emprego na sua área e agarrou a oportunidade com unhas e dentes, passando largas horas em frente ao computador em tarefas relacionadas com a edição de fotografias.



Para além de exigir a si mesma longos períodos de concentração – cerca de 10 a 15 horas diárias, como explica no seu site -, a falta de descanso provocava lesões por esforço repetitivo, algo equiparado ao conhecido episódio de Charlie Chaplin no filme Modern Times. Com receio de que o problema se viesse a agravar, Michelle resolveu experimentar algo diferente: trabalhar com o nariz.





“Estava sentada no meu quarto numa noite a mexer no touchpad e, sem pensar, levantei-o e toquei-lhe com o nariz. Tudo funcionava!”, contou a designer no seu blogue. “Fiz mais algumas experiências no Photoshop, fazendo swipe para a esquerda e para direita, para cima e para baixo e, estranhamente, tudo parecia natural para mim”, acrescentou.



Michelle confessou ainda que escreveu até “várias páginas da tese de bacharelato no iPad com o nariz”, e que a sua nova técnica poderia ser uma vantagem, tanto para a eficiência no trabalho, como para a sua própria saúde. “Abriu-se todo um novo mundo de possibilidades para mim”, disse.



O seu trabalho é agora feito com recurso a um tripé e uma base, que seguram o trackpad ao nível da sua cabeça. Confira alguns resultados da sua técnica "nariguda":


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.