Chegou com quase um ano de atraso, mas finalmente foram colocados em serviço dois comboios Coradia iLint da Alstom, os primeiros a serem alimentados por hidrogénio. Os comboios de passageiros emitem apenas vapor de água para atmosfera e passam a circular nas linhas na Baixa Saxônia, na Alemanha. A cerimónia de inauguração contou com a presença dos ministros da economia e dos transportes e autoridades responsáveis.

O Coradia iLint está equipado com células de combustível que convertem hidrogénio e oxigénio em eletricidade, eliminando qualquer poluição lançada na atmosfera. Para além das zero-emissões, os comboios fazem menos barulho que os convencionais, conseguindo atingir velocidades até 140 km/h. Para já apenas podem circular a 100 km/h e irão substituir a frota de comboios a diesel entre as estações Cuxhaven, Bremerhaven, Bremervörde e Buxtehude.

Segundo o comunicado da empresa, os novos comboios são reabastecidos através de uma estação móvel de hidrogénio. Com apenas um tanque, o comboio poderá percorrer a rede durante todo o dia, tendo uma autonomia estimada de 1000 quilómetros. Em 2021, a Alston promete entregar os restantes 14 comboios Coradia iLint à EVB, juntamente com um posto de abastecimento fixo, num investimento estimado de 81 milhões de euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.