A Renault levou para o Salão Automóvel de Paris o seu EZ-ULTIMO, o veículo autónomo da família do EZ-GO e EZ-PRO, protótipos para soluções de mobilidade urbana que a fabricante francesa pretende introduzir no futuro. Esta nova versão é uma proposta luxuosa para o transporte de clientes para aeroportos ou reuniões de negócios, tornando-se um autêntico lounge sobre rodas. Invés de um transporte básico, os utilizadores terão acesso a uma experiência de viagem premium.

O veículo parece uma limusine (mas também o batmobile), com quase seis metros de comprimento, com linhas futuristas no exterior. Mas no luxuoso interior encontram-se acabamentos em materiais que incluem madeira, mármore e pele. O ULTIMO é um veículo 100% elétrico e autónomo, que pretende circular conectado. A Renault estima que o veículo possa fazer parte da frota de hotéis de cinco estrelas, serviços de aluguer ou de empresas que desejem transportar clientes importantes. Nesse sentido, a privacidade é uma preocupação da fabricante, dotando o modelo com vidros fumados.

As portas de passageiros abrem completamente, deslizando para os lados, sendo fácil e cómodo entrar no veículo. E cada pessoa senta-se numa poltrona rotativa individual, para maior conforto. A Renault refere que o veículo vai oferecer internet wireless aos seus clientes através de uma ligação 5G. Planeando a introdução do veículo autónomo nos serviços de transporte, a aplicação de smartphone vai permitir requisitar o veículo e planear as rotas de circulação.

Embora o ULTIMO seja um veículo conceptual, os protótipos da linha EZ da Renault são mais um exemplo de como será o futuro da condução autónoma, em todos os segmentos. Ainda faltarão alguns anos, mas não muitos…

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.