A sonda Messenger da NASA enviou as primeiras fotografias que comprovam definitivamente a existência de gelo em Mercúrio. E gelo recentemente formado, não gelo que ainda subsiste desde os primeiros tempos do planeta.



A água congelada foi encontrada no polo Norte do planeta. Há cerca de 20 anos, explica a Agência Espacial norte-americana, um telescópio na Terra já tinha encontrado os primeiros indícios de gelo em Mercúrio. Em 2012, quando a sonda estava já na órbita de Mercúrio, foram confirmadas as suspeitas. Dois anos depois, chegam as primeiras imagens:

[caption]Mercúrio[/caption]

O gelo está no fundo de uma cratera que tem 113 quilómetros de largura e as observações feitas batem certo com aquilo que a Messenger tem visto noutras localizações de Mercúrio: depósitos de material que se acredita ser orgânico, congelado.



O gelo encontrada em Mercúrio pode inclusive ser mais recente do que o gelo que existe na Lua, satélite natural da Terra. E isso, diz uma investigadora da NASA, ajuda a entender melhor os processos de formação de gelo já que são astros com características e percursos diferentes.



O estudo foi publicado esta semana na revista Geology, mas os cientistas vão continuar a investigar a formação de gelo em Mercúrio para revelarem novos detalhes sobre o fenómeno.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.