Fruto da parceria técnica que a Lenovo mantém com a equipa de Fórmula 1 da AT&T Williams, os engenheiros podem agora beneficiar do acesso à capacidade computacional de um supercomputador da marca chinesa, usado nas instalações da equipa no Reino Unido.

O supercomputador garante o quádruplo da velocidade na simulação de aplicação de peças em túneis de vento para apurar alterações na performance dos carros e os responsáveis da AT&T Williams esperam que traga um contributo importante para garantir mais primeiros lugares no pódio das classificações desta temporada.

Veja a Reportagem do TeK sobre este tema.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.