De 10 a 15 de Junho Lisboa acolheu uma experiência que teve por objectivo testar as condições de acessibilidade dos sites portugueses. A partir de um quarto de hotel Fernando Santos, um invisual, deu corpo à experiência e usando um PC e uma ligação à Internet procurou desempenhar um conjunto de tarefas do dia-a-dia.



Entre as tarefas em agendadas Fernando Santos navegou por sites públicos e fez compras em várias lojas online, testando a sua acessibilidade. A experiência foi acompanhada pela Vector21 que promoveu a ideia e fez o tratamento estatístico da informação recolhida.



O TeK falou com Fernando Santos que se mostrou satisfeito com os resultados da iniciativa que não considera um teste de sobrevivência, já que tinha recurso a outras formas de desempenhar as tarefas básicas do dia-a-dia e também não permanecia 24 horas por dia no quarto, sem apoios.



Mesmo assim, o invisual acredita que existirão condições para levar a cabo um teste de sobrevivência nos mesmos moldes. Deixa contudo, alguns exemplos das falhas mais habituais nos sites portugueses em matéria de acessibilidade nesta reportagem de vídeo que lhe propomos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.