Considerado como um dos maiores vulcões ativos do mundo, o Mauna Loa, no Havai, entrou em erupção após estar “adormecido” por quase quatro décadas e imagens de satélite mostram como a situação tem vindo a evoluir ao longo das últimas horas.

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS na sigla em inglês), a erupção começou no domingo, dia 27 de novembro, pelas 11h30 locais, na caldeira do vulcão localizado na Ilha Grande do Havai. O momento da erupção foi captado pelo satélite GOES-West da National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA).

Num outro registo captado pelo satélite GOES-WEST é possível observar uma pluma de cinzas vulcânicas causada pela erupção do Mauna Loa. Os especialistas do USGS avançam que, embora a situação esteja a evoluir, para já, os fluxos de lava não ameaçam as comunidades mais próximas do vulcão.

No entanto, foram emitidos alertas devido à queda de cinzas e outros materiais vulcânicos, incluindo gases, que são prejudiciais para humanos, animais e infraestruturas. Além de imagens de satélite, um vídeo captado através de uma câmara térmica, partilhado pelo USGS, apresenta uma visão da erupção na caldeira do vulcão.

Há já também várias imagens, captadas em terra por cientistas do USGS, membros da proteção civil e de outras autoridades locais, que demonstram a evolução da erupção do Mauna Loa, que pode ver na galeria que se segue.

Clique nas imagens para mais detalhes

O Mauna Loa é um dos cinco vulcões que fazem parte da maior ilha do arquipélago do Havai, com 4.169 metros acima do nível do mar. Segundo dados do USGS, desde 1843, o vulcão já registou 33 erupções, com a última a suceder em abril de 1984.

Recorde-se que, ainda este ano, imagens de satélite ajudaram a registar a evolução da erupção de um vulcão subaquático, perto da ilha de Tonga, no oceano Pacífico.  O criou uma onda de choque, originando diversos tsunamis em direção à costa da ilha, mas também outras zonas do Pacífico, sendo registado pelo satélite geoestacionário japonês Himawari-8.

Clique nas imagens para mais detalhes 

Os efeitos da erupção do vulcão subaquático Hunga Tonga foram avassaladores e os satélites da Maxar Technologies captaram imagens da região da ilha de Tonga, mostrando o antes e depois da erupção.

Clique nas imagens para mais detalhes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.