Os próximos anos prometem tornar muitas cenas de ficção científica dos filmes e séries televisivas em realidade, no que diz respeito à exploração espacial. A ideia do sector privado é construir na baixa órbita da Terra, onde circula a Estação Espacial Internacional, plataformas e áreas comerciais para futuros viajantes. No fundo é uma antecipação ao prometido turismo espacial, mas ao mesmo tempo a criação de áreas para investigação e construção que no futuro possam ser explorados comercialmente pelas empresas.

Para já, o principal problema são os custos associados aos serviços de lançamento no espaço serem demasiado elevados. A NASA recebeu propostas de 12 empresas comerciais, incluindo a Blue Origin, Lockheed Martin, Boeing, e outras, reporta o The Verge, para tornar a baixa órbita da Terra num espaço comercial.

A agência espacial americana tem ainda como objetivo encontrar alternativas à Estação Espacial Internacional, já que Donald Trump decretou em 2018 o fim do financiamento direto à ISS até o final de 2024. Data que no qual a NASA pretende regressar à Lua. As propostas do sector privado vão no sentido de garantir à NASA uma estação espacial para continuar as suas investigações no espaço.

De recordar que a agência encomendou recentemente à Maxar a criação do primeiro módulo de uma base espacial para dar apoio às missões a Lua. E no website da NASA pode ver as propostas das empresas candidatas a explorar o baixa órbita. A Blue Origin, por exemplo, propõe a construção da sua estação espacial, reutilizando as “conchas” dos foguetões lançados ao espaço. Já a Axiom refere a construção de módulos que numa primeira fase estariam ligadas à ISS, para mais tarde separarem-se e formarem estações privadas.

Há propostas bastante variadas para a exploração comercial do espaço (como pode ver na galeria), incluindo áreas de filmagens para filmes, eventos desportivos, turismo, entre outras possibilidades. Aspetos que a NASA apenas vê como viáveis se o preço de colocar as pessoas e a carga no espaço descer. Para já são apenas estudos do seu potencial…

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.