Os engenheiros da agência espacial americana já instalaram a suspensão de mobilidade, composta por pernas e rodas de estibordo, no seu rover Mars 2020. A operação decorreu esta semana, no Jet Propulsion Laboratory em Pasadena, Califórnia.

As duas pernas do Mars 2020 são feitas de tubagem de titânio, num processo semelhante ao utilizado no fabrico de bicicletas. A NASA explica que as seis rodas instaladas atualmente no rover são apenas para testes e serão substituídas em 2020. As rodas têm o seu próprio motor, sendo que as duas rodas dianteiras e as duas traseiras possuem também motores de direção. Desta forma, o rover pode girar 360 graus num só lugar.

tek rover 2020

O sistema de suspensão, a que a NASA chama de “rocker-bogie”, permite que o rover passe por cima de rochas e obstáculos e resista a inclinações de 45 graus, em qualquer direção, sem cair.

Nas próximas semanas, a NASA espera instalar o braço robótico do veículo, a SuperCam e o sistema Sample Caching, que inclui 17 motores separados que irão trabalhar na recolha de rochas e amostras de solo marciano.

O rover Mars 2020 da NASA será lançado em julho do próximo ano, a partir da Estação da Força Aérea do Cabo Canaveral, na Flórida. Deverá aterrar em Marte em fevereiro de 2021, sendo o local escolhido a cratera Jezero.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.