Dezassete por cento dos computadores pessoais ligados à Internet em todo o mundo estão completamente desprotegidos, ou porque não têm qualquer tipo de software de segurança instalado ou este está desativado ou expirado.

Os dados resultam de um estudo feito pela McAfee que analisou uma média de 27-28 milhões de computadores por mês, e que identificam Singapura como a região mais crítica, das 24 analisadas, com 21,75% dos PCs desprotegidos. México e Espanha preenchem, por esta ordem, a segunda e terceira posição do pódio, com respetivamente 21,57% e 21,37%.

Espanha regista também a maior percentagem de computadores sem qualquer proteção básica de segurança instalada (16,33%), enquanto Singapura obteve a maior quota de utilizadores com proteção de segurança instalada, mas desativada (11,75%).

Por contraste, a Finlândia lidera o top dos países onde os computadores estão mais protegidos (90,30%), sendo que o segundo e terceiro lugares também pertencem a países europeu, mais precisamente à Itália (86,20%) e à Alemanha (85,55%).

"Ao navegar na Internet num computador exposto não só aumenta o risco de roubo de identidade e perda de dados, como também pode contribuir para a disseminação de programas e vírus nocivos", alerta a McAfee. "Mesmo quando pensa que o seu computador pessoal tem proteção básica instalada, é importante certificar-se de que o seu software de segurança está atualizado", aconselha a empresa de segurança no comunicado onde informa sobre os resultados do estudo.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Patrícia Calé

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.