A Adobe alertou para a identificação de uma vulnerabilidade crítica que afecta aplicações da empresa, nomeadamente o popular Reader, usado por muitos para leitura de ficheiros em formato PDF. O Acrobat, destinado à conversão para o mesmo formato, também é visado.

A falha, que ainda não tem correcção disponível, afecta o Adobe Reader 9.3.4 e as suas versões anteriores para Windows, Mac e Unix e o Adobe Acrobat 9.3.4 e versões anteriores para Windows e Mac.

Segundo a informação avançada online pela Adobe, a vulnerabilidade pode fazer com que os computadores bloqueiem ou ser explorada em ataques que permitam o controlo das máquinas por terceiros.

A empresa admite ainda ter recebido relatos de que a falha já está a ser explorada.

Entretanto, a fabricante de software afirma estar "em processo de avaliação do problema", prometendo uma actualização que corrija o problema, embora não avance, para já, datas para a disponibilização.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.