Alunos dos 4 aos 6 anos do Colégio da Torre em Lisboa estão a participar numa experiência que visa perceber como interagem e se expressam as crianças desta idade com as ferramentas tecnológicas. A iniciativa é da responsabilidade do Sapo e da Universidade de Aveiro e contou com a colaboração da Inforlândia, que equipou a escola com os PCs necessários.



A ferramenta que os alunos exploram é o Scratch, uma plataforma de programação informática desenvolvida pelo MIT para um público jovem e adaptada para português pelo Sapo e pela PT Inovação.



Nesta utilização em idade pré-escolar as entidades envolvidas querem reunir dados sobre a forma como as crianças interagem com as novas tecnologias e a plataforma e "usar esse conhecimento para propor novas metodologias para a aprendizagem da literacia mediática, a manutenção do fluxo criativo, crítico, produtor de alternativas e a prática da metacomunicação entre as crianças do ensino pré-escolar", explica um comunicado.



Os visados vão ter oportunidade de trabalhar na plataforma em nove sessões distintas, que se realizam até final do mês de Junho e que serão acompanhadas por investigadores e estudantes da Universidade Aveiro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.