Depois dos leitores de ebooks e dos tablets, a Amazon pode estar a preparar a sua entrada no segmento dos smartphones, com um modelo de baixo-custo, algo que, contudo, só deverá acontecer no final do próximo ano.

A previsão é avançada pelos analistas do Citigroup Mark Mahanne e Kevin Chang, num relatório que teve por base a análise da cadeia logística da empresa.

O documento indica que no desenvolvimento do dispositivo estarão envolvidas a Foxconn International Holdings (FIH), na área da consultoria, e a TMS, na produção dos componentes - a mesma empresa que já fabrica os componentes dos leitores de ebooks e do tablet da Amazon.

Os analistas do Citigroup arriscam a prever que o mais recente membro da família Kindle terá um processador OMAP 4 da Texas Instruments.

No relatório fazem-se igualmente as contas aos custos de produção que, segundo os analistas, deverão situar-se entre os 150 e 170 dólares por smartphone. Atendendo à política de preços que a Amazon tem vindo a adotar, tal poderá significar que o telefone seja comercializado por valores próximos a esses montantes.

Os rumores sobre o possível lançamento do smartphone chegam na semana em que a retalhista online acaba de colocar à venda o seu primeiro tablet, o Kindle Fire, a quem muitos antevêem um futuro promissor, nomeadamente a Retrevo.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.