Com o nome de código Project Valerie, o novo computador portátil da Razer foi apresentado esta quinta-feira na CES em Las Vegas. Este é o primeiro da sua espécie, visto que vem equipado com um trio de ecrãs de 17,3 polegadas cada, com qualidade 4K.

Informações oficiais indicam que os ecrãs adicionais são acionados através de um mecanismo automático, composto por dobradiças de alumínio que, segundo a Razer, são altamente duradouras.

O Project Valerie é potenciado por um processador gráfico GeForce GTX 1080 da Nvidea e, quando fechado, tem a mesma espessura que outros computadores portáteis dedicados à área dos videojogos, ou seja, cerca de 3,8 centímetros.

Se é verdade que os três ecrãs oferecem uma experiência de jogo mais imersiva e graficamente rica, não é menos verdade que o facto de os ecrãs serem envolvidos por molduras faz com que não se consiga uma imagem totalmente contínua, existindo uma quebra de imagem de um monitor para o outro.

Contudo, funcionando como ecrãs que apresentam conteúdos diferentes e que não façam parte de uma mesma imagem, as vantagens de produtividade parecem destacar-se.

O computador conta também com um teclado retro-iluminado e um touchpad que está embutido na extremidade direito do computador, onde tradicionalmente estaria o rato.

Ainda não existe preço nem data de disponibilização do Project Valerie.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.