Pela primeira vez um computador quântico comercialmente disponível foi confrontado com computadores tradicionais a nível de desempenho e o resultado mostrou que o quantum PC teve um desempenho 3.600 vezes melhor. O teste realizado é suscetível a críticas mas mostra o que pode ser o futuro e a capacidade da computação.

A diferença que existe entre as máquinas é que o D-Wave, o computador quântico, consegue processar ao mesmo tempo os 0 e os 1 que que compõe a linguagem binária e que são transportados em bits quânticos - ou qubits -. Estes qubits, escreve a Newscientist, têm que estar ligados através da propriedade do entrelaçamento quântico, no qual dois elementos estão tão ligados que nenhuma das partes pode ser referida sem a outra.

Em contrapartida, os PC tradicionais têm que processar cada algoritmo separadamente, o que por si só mostra que em termos de "natureza" existe uma diferença no modo de funcionamento entre as máquinas analisadas.

O D-Wave foi confrontado com três computadores desktop de última geração. Às máquinas foi dada a tarefa de solucionarem um problema através da escolha da melhor solução. Quem conseguisse encontrar a solução em menos tempo, saía vencedor.

As máquinas equipararam-se em problemas de menor dificuldade mas à medida que iam sendo acrescentadas variáveis para análise, o desempenho dos computadores mostrou uma discrepância grande. Nos problemas mais complicados, o D-Wave encontrou a melhor solução em meio segundo enquanto o melhor dos três PC desktop demorou meia hora para atingir a mesma resposta.

Os investigadores da universidade de Massachusetts, nos EUA, que conduziram o estudo reconheceram que o computador quântico está construído e pensado para ser melhor no processamento de dados, e noutro tipo de testes, acaba por ter um desempenho inferior ao dos computadores tradicionais.

O teste foi uma maneira de provar que o D-Wave é a máquina indicada para determinadas funções que envolvam o processamento de dados, como reconhecimento de imagens e aprendizagem de processos mecânicos.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.