Dentro da Microsoft as ferramentas de Inteligência Artificial (IA) estão a gerar uma das maiores acelerações de desenvolvimento e isso tem sido notório desde que foi anunciado o Copilot, no início do ano. Agora a empresa está a aproveitar a sua principal conferência empresarial, a Ignite, para anunciar 100 novas ferramentas e funcionalidades, abrangendo as áreas da produtividade e da segurança, para além de uma nova arquitetura de hardware para a IA. A evolução faz-se também pelo GPT-4 Turbo que vai estar em preview pública no Azure OpenAI Service até ao final deste mês.

Os dados partilhados indicam que 70% dos utilizadores do Copilot confirmaram que são mais produtivos e 68% referem ter melhorado a qualidade do trabalho. E já se tornou um hábito, de tal forma que 77% afirmam não quererem deixar de usar, referindo serem mais rápidos em tarefas específicas e passarem menos tempo a processar emails, iniciar rascunhos e encontrar ficheiros.

Copilot com IA da Microsoft chega ao Windows 11 na próxima atualização a 26 de setembro. Veja as novidades
Copilot com IA da Microsoft chega ao Windows 11 na próxima atualização a 26 de setembro. Veja as novidades
Ver artigo

O objetivo agora é estender o Copilot a várias soluções, indo além do Microsoft 365 que já está a ser usado por várias empresas, e da integração no Windows. O Copilot Studio foi pensado para que os clientes possam personalizar a utilização do Copilot no pacote de produtividade, de forma rápida e em modo low code, enquanto o Copilot for Service toma conta do atendimento ao cliente

Uma das mudanças mais visíveis vai ser a substituição do Bing Chat e do Bing Chat Enterprise pelo Copilot. A Microsoft tinha integrado a capacidade da IA generativa no browser Edge e criado uma "personalidade" no Bing, mas agora esta é absorvida pela marca geral Copilot.

Desde que estejam ligados com um identificador da Microsoft os utilizadores que usam o Bing, Edge e Windows passam a poder fazer perguntas e obter respostas, textos e tópicos com ideias com proteção dos dados comerciais, sem terem que pagar nada por isso.  O "novo" Copilot fica disponível a 1 de dezembro e deixa de estar em modo de preview. 

Para os programadores há novidades no Azure AI com integração com novos modelos para além do OpenAI, como o Llama 2 da Meta e os próximos modelos premium da Mistral e Jais da G42.

Windows AI Studio
créditos: Microsoft

A preview do Azure AI Studio garante uma plataforma unificada para criação de aplicações de inteligência artificial, teste e implementação, e é possível criar novos copilotos, ou usar como base outros modelos, com novos dados fornecidos pelo utilizador.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.