A Fundação Vodafone, a Porto Editora e o Ministério da Educação, através da Direcção-Geral da Inovação e Desenvolvimento Curricular (DGIDC) assinaram hoje um protocolo para a produção de manuais escolares digitais dirigidos a alunos invisuais ou com baixa visão, baseado num sistema em formato Daisy que permite sincronizar texto e som.

O objectivo é assegurar que todos os alunos com estas dificuldades tenham acesso aos mesmos manuais que os seus colegas, de forma a responder ao processo de inclusão e responsabilidade social.

António Carrapatoso, presidente da Fundação Vodafone, mostrou-se satisfeito com a assinatura do projecto que implicou um investimento de mais de 100 mil euros e relembrou que "a igualdade de oportunidades deve estar presente no Estado e no modelo social de Portugal, de maneira que este tipo de parcerias devem acontecer na área da responsabilidade social para um Portugal melhor".

O formato multimédia Daisy usa um programa de leitura de livros falados EaseReader que permite a procura por capítulos, temas, páginas, criação de marcas de leitura para posterior consulta. Para além da audição do som através da placa de som integrada no PC, a tecnologia faculta a leitura do texto em caracteres ampliados e a tradução para português de todo o software, nomeadamente, o programa de instalação e ficheiros prompt.

A tecnologia é usada por alguns países do norte da Europa estando a ser abordada pela primeira vez em Portugal. O secretário de Estado da Educação, Valter Lemos salvaguardou que a agenda educativa "implica a assinatura de parcerias para que se enfrente o desafio de criar uma escola para todos. O compromisso do Governo é prosseguir com a promoção da igualdade de oportunidades para todos os cidadãos".

A parceria permitirá produzir 30 matrizes de manuais que serão doados aos alunos de estabelecimentos reconhecidos pelo Ministério da Educação mediante requisição.

No evento esteve também presente a directora da DGIDC, Cristina Paulo, o presidente da Porto Editora, Vasco Teixeira e a secretária de Estado Adjunta e Reabilitação, Idália Moniz.

Notícias Relacionadas:

2005-09-06 - Texto Editores complementa manuais escolares com formato ebook

2005-08-07 - Vodafone e ACAPO promovem formação em informática para deficientes visuais

2004-01-21 - Sistema de leitura sonora facilita acesso de cegos ao computador

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.