Os drones há muito que extravasaram a mera utilização como objetos de entretenimento e lazer. Hoje estas máquinas voadoras são aplicadas com fins cada vez mais variados, desde ajudar a encontrar resíduos de plástico no mar a identificar cenas de violência entre multidões, ou mesmo participar em missões de busca e salvamento em situações de catástrofe. O estado de Ohio, nos Estados Unidos, quer pôr uma nova ideia em prática.

A universidade local está a testar um programa piloto que faz uso dos drones para vigiar o tráfego num determinado troço da autoestrada, complementando o sistema de câmaras fixas, que nem sempre conseguem dar a melhor resposta em determinadas situações. Os dados recolhidos serão encaminhados para o departamento de transportes daquele estado, complementando a informação recolhida pelos outros recursos existentes.

Está igualmente previsto que a experiência sirva para perceber como é a monitorização de drones poderá ajudar a impulsionar a área dos carros autónomos e conectados. Uma das vertentes é a possibilidade de os drones transmitirem dados de tráfego para ajudar os motoristas e os carros a tomarem decisões informadas. Um veículo pode optar automaticamente por uma nova rota se houver um acidente mais à frente, por exemplo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.