A IDC, empresa de análise e de
estudos de mercado, prevê que a adopção pelos utilizadores empresariais dos
sistemas operativos da próxima geração da Microsoft - como o Windows XPWindows .NET para
servidores será lenta e gradual.



Esta conclusão baseia-se num inquérito realizado pelos analistas da
companhia a cerca de 300 directores de informática de empresas que utilizam
o Windows NT ou 2000, com vista a determinar as suas atitudes e planos de
implementação em relação às novas tecnologias e práticas introduzidas
recentemente pela Microsoft.



Esta lentidão na adopção das novas plataformas da gigante de software
deve-se, sobretudo, ao facto de a maior parte das empresas estarem ainda a
implementar o Windows 2000, justifica a IDC. Três em cada quatro companhias
afirmaram que se encontram ainda nas fases iniciais deste processo de
migração. Segundo a IDC, esta atitude de precaução inicial em relação às
novas tecnologias da Microsoft já é habitual por parte das empresas.



No que se refere aos planos de aquisição de novo software, a nova versão das
regras de licenciamento de programas para grandes clientes que entrou em
vigor a partir de 1 de Outubro - conhecida por Licensing 6.0 -, não
aparenta ter um grande impacto na maioria dos utilizadores, refere o estudo
da IDC. A maior parte dos gestores inquiridos está ainda a avaliar os
potenciais efeitos do processo de licenciamento ou não está preocupada com
as alterações que introduz.



Mesmo assim, 15,4 por cento dos inquiridos afirmam que o novo processo
constitui um incentivo para procurar produtos alternativos, indicando como
motivo o aumento do custo de licenciamento do software da Microsoft.



A adopção do Active Directory - serviço de directórios da Microsoft
que integra a arquitectura do Windows 2000 e consiste num sistema
centralizado e padronizado que automatiza a gestão em rede de dados dos
utilizadores, segurança e recursos distribuídos - parece assemelhar-se ao
ritmo de implementação do Windows 2000.



Para a maioria dos utilizadores, o Active Directory é o seu serviço de
directório preferido em ambientes Windows. Contudo, este software tem
também constituído uma forte razão para o adiamento da introdução de um
sistema operativo exclusivamente dedicado a servidores, já que 36 por cento
dos participantes no inquérito da IDC afirmaram que atrasaram o processo de
migração para o Windows 2000 devido à complexidade normalmente associada ao
Active Directory.


Notícias Relacionadas:

2001-10-25 - Entrevista: "O Windows
XP é tão importante como foi na altura o Windows 95"


2001-10-09 - Novas
regras para licenciamento de programas Microsoft


2001-06-19 - Microsoft
renomeia Whistler de Windows.NET Server


2000-02-23 - Windows
2000: vale a pena actualizar?

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.