A Microsoft planeia submeter as especificações técnicas dos formatos que incluem o novo Office 12 ao organismo europeu de normalização, a ECMA, já no próximo mês. A empresa de Bill Gates está a criar um documento completo de submissão standard que derive desses formatos e que irá designar-se Microsoft Office Open XML. O resultado é que Word, Excel e Powerpoint passarão a estar disponíveis como standards abertos.



"Passarmos a standard aberto vai dar um novo nível de confiança à tecnologia", refere Alan Yates, director geral da Microsoft. "Antecipamos o dia em que vão olhar para esta iniciativa como um marco, que representa o princípio do fim dos documentos fechados", acrescenta o responsável citado na imprensa.



Além da iniciativa de normalização dos formatos a empresa avançou ainda com alterações ao nível da licença que permitam eliminar todas as barreiras ao trabalho dos programadores e multiplicar as hipóteses de fazer correr as aplicações do Office em vários produtos.



A decisão da Microsoft é em muito justificada pela pressão dos seus clientes empresariais, especialmente governos com grandes históricos de informação para gerir, que solicitaram a disponibilidade dos formatos de texto em termos mais favoráveis. Com a concordância da Microsoft as empresas passam a garantir que os seus documentos podem ser lidos por diferentes produtos.



Recorde-se que um dos primeiros movimentos da Microsoft neste sentido visou a normalização de formatos para os documentos XML no Office 2003, permitindo o acesso ao software num modelo livre de royalties.



Notícias Relacionadas:

2005-09-14 - Office 12 aposta na simplificação gráfica e em novas ferramentas para gestão de informação

2005-05-20 - Office 12 propõe novo modelo de produtividade profissional

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.