O número de modelos de ultrabooks já disponíveis no mercado que seguem as recomendações da Intel para este conceito de portáteis ascende já aos 70, informou hoje a Intel num post publicado na zona de notícias do seu site.


A informação confirma as estimativas da empresa feitas no início de 2012 - relativas à disponibilidade de seis dezenas de ultrabooks deste tipo até ao final deste ano - mas está também a servir como chamariz aos consumidores para este conceito de portáteis, cujos preços situam-se já abaixo dos 580€ (750 dólares), usando os valores assumidos pela Intel, que destaca a época do Natal como essencial para a descida dos preços.


Marcas como a Acer, Asus, Dell, HP, Lenovo, Sony e Toshiba estão a servir de base aos exemplos anunciados pela Intel para este tipo de produtos, cujas configurações aconselhadas partem da utilização da arquitetura Ivy Bridge, ecrãs com 13 e 14 polegadas de diagonal, chassis cuja espessura não ultrapasse os 2 centímetros e preços abaixo dos 1000 dólares (cerca de 700 euros).


Se ao nível dos requisitos técnicos são já várias as propostas a seguir esta tendência, ao nível dos preços a concorrência está a colocar a fasquia abaixo dos 1000 dólares inicialmente previstos pela Intel. Atualmente, é já possível encontrar ultrabooks deste tipo com preços abaixo dos 700 euros no mercado português, com o mercado norte-americano a registar a baixa mais acentuada de preços, abaixo dos 700 dólares.



Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.