Depois de apresentar o processador Osprey em 2022, a IBM revela duas grandes novidades no campo da computação quântica, que espera servirem como bases para a construção de sistemas de maiores dimensões na próxima década.

Em destaque está o novo processador Heron, cuja arquitetura foi desenvolvida ao longo dos últimos quatro anos. Segundo a IBM, o chip promete as mais altas métricas de desempenho e as mais baixas taxas de erro de um dos seus processadores quânticos até à data.

Clique nas imagens para ver com mais detalhe 

O primeiro equipamento a fazer uso de processadores deste tipo é o IBM Quantum System Two, outra das novidades da empresa, que se afirma como o seu primeiro computador quântico modular. O primeiro IBM Quantum System Two, localizado em Nova Iorque, já começou a trabalhar e incorpora três processadores Heron.

Graças aos avanços feitos neste campo, a IBM decidiu alargar o seu roadmap de desenvolvimento quântico até 2033, com novas metas para melhorar significativamente a qualidade das operações, um objetivo que requer um aumento na dimensão dos circuitos quânticos.

Veja o novo computador quântico da IBM

O IBM Quantum System Two é visto pela empresa como a base da sua próxima geração de arquiteturas para sistemas de computação quântica. Como parte da mais recente versão do seu roadmap, a IBM espera que o computador venha também a receber as futuras gerações de processadores quânticos.

“Estamos firmemente numa era onde os computadores quânticos estão a ser usados como uma ferramenta para explorar novas fronteiras da ciência”, afirma Dario Gil, vice-presidente da IBM e diretor da investigação, citado em comunicado.

O responsável realça que, à medida que a IBM continua a “avançar na escala dos sistemas quânticos e na forma como podem trazer valor através de arquiteturas modulares”, a qualidade da tecnologia quântica em grande escala aumentará, permitindo colocá-la nas mãos dos utilizadores e parceiros da empresa, que vão “ultrapassar as barreiras de problemas mais complexos”.

Para lá do hardware quântico, a empresa também deu a conhecer os seus planos na área do software. Concebidos para “democratizar o desenvolvimento de computação quântica”, os Qiskit Patterns vão servir como um mecanismo que ajudará os programadores nesta área a gerarem código mais facilmente, afirma a IBM.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.