O iPad ainda não chegou ao mercado português, mas já tem mais uma aplicação desenvolvida em Portugal: chama-se TapInvoice, tem funcionalidades de facturação e está disponível na loja da Apple.

Criada pela Practicalproject, a TapInvoice encontra-se de momento em processo de certificação legislativa, para que possa ser usada em Portugal logo que o tablet da Apple seja lançado.

Entretanto, o software está oficialmente disponível por 9,99 dólares, podendo ser adquirido por utilizadores residentes nos Estados Unidos, Reino Unido, Bélgica, Espanha e Alemanha. "Penso que também possa ser comprada em Portugal, todavia, estamos a trabalhar no processo de certificação para a legislação nacional, nomeadamente em relação ao SAF-PT e à nova certificação imposta pela DGCI", esclareceu Abílio Magalhães em declarações ao TeK.

Refira-se que a versão portuguesa do software actualmente em preparação não irá integrar o conceito de factura electrónica adoptado em Portugal, "por requerer certificados de segurança (encriptação) e um desenvolvimento exigente".

Para que o TapInvoice possa ser usado em Portugal - pelo menos durante este ano -, o utilizador terá de enviar a factura que o programa gera em PDF, por email, para si próprio, para depois a imprimir e entregar ao cliente, já que a versão actual do iPad não permite imprimir directamente.

A aplicação da Practicalproject junta-se assim ao já alargado conjunto de conteúdos made in Portugal oferecido a partir da App Store e destinado ao iPad, mesmo antes deste estar à venda no mercado português.

Relativamente à aplicação em si, e às suas funcionalidades, trata-se de um programa que permite emitir facturas, notas de crédito, de débito e vendas-a-dinheiro, contemplando os documentos essenciais ao processo de facturação.

Emite ainda recibos, permitindo o pagamento de mais do que uma factura num só recibo, bem como pagamentos parciais de facturas, completando dessa forma a gestão da conta-corrente de cada cliente. Além da emissão dos documentos de facturação, o TapInvoice dispõe de um extracto de pesquisa de movimentos, com capacidade de consulta directa ao documento original.

Na componente da análise de dados, um dos quadros do software permite observar o desempenho trimestral da facturação, sendo visualizado um gráfico mensal com o testemunho das vendas agregadas.

Entre o restante conjunto de funcionalidades, oferece a possibilidade de consulta do "top de clientes" e de configuração do programa para operar em mercados distintos, "nomeadamente em países sem regime de IVA ou em línguas diferentes do inglês, encontrando-se também suportados os idiomas francês, alemão, espanhol, italiano e naturalmente o português".

Abílio Magalhães referiu ainda que, dentro de dias, será entregue para revisão na Apple, uma nova versão do software, que vai oferecer capacidade para gestão de stocks e facturação por código de artigo, "bem como uma importante inovação ao nível da interface, que consideramos estratégica para o sucesso do produto".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.