O Irão vai criar o seu próprio sistema operativo, com o objectivo de assegurar maior segurança nas redes informáticas nacionais. O software destina-se inicialmente a sistemas informáticos públicos mas poderá ser adoptado também pelos privados, nas suas casas.

O sistema operativo de código aberto será "inicialmente instalado em centros industriais e organizações", numa fase posterior poderá ser também instalado em lares, pelos utilizadores que o desejem, afirmou o ministro iraniano com a pasta das comunicações e tecnologias, Raza Taqipour, citado pela PressTV.

O desenvolvimento do projecto terá sido acelerado para fazer face às preocupações com a vulnerabilidade dos sistemas operativos às infecções por malware disseminado através das redes - como aconteceu recentemente com o Stuxnet.

O responsável afirmou também que um sistema operativo de código aberto tornará mais fácil detectar falhas de segurança que permitam o acesso indevido aos sistemas. "Muitos países estão a optar pelo open source como uma solução para este problema", realçou Raza Taqipour.

Segundo explicou, um dos objectivos primordiais é impedir que terceiros entrem nas redes informáticas do país para roubar dados sensíveis.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.