A Microsoft Business Solutions anunciou hoje, em conferência de imprensa, a disponibilização imediata para o mercado português das versões 3.7 e Standard do ERP Microsoft-Navision.



A empresa anunciou igualmente uma descida de 20 por cento na sua tabela de preços estimados de venda ao público. A decisão prende-se segundo afirmou Paulo Leal, director da Microsoft Business Solutions Portugal, com as características do mercado "que ao longo dos últimos meses tem estado particularmente competitivo". "Desta forma decidimos adequar os nossos preços à realidade actual".



Segundo o director da Microsoft Business Solutions Portugal, o negócio vai bem e este ano deverá crescer quatro a cinco vezes acima do mercado. "Em 2003 o crescimento do mercado não será tão acentuado comparativamente ao ano passado, quando o incremento foi de 15 a 16 por cento. De qualquer modo, queremos continuar a crescer e com certeza que a subida andará na ordem das quatro cinco vezes mais que o mercado em geral", prevê Paulo Leal.



Um dos outros objectivos da empresa para o próximo ano é passar a ocupar a segunda posição em termos de quota de mercado em Portugal, quando actualmente, e segundo dados da Gartner, a Microsoft Business Solutions se classifica em terceiro, "não muito longe da concorrente precedente", garante Paulo Leal.



De acordo com o revelado em conferência de imprensa, Portugal é o quarto país da Europa onde a Microsoft Business Solutions tem maior quota de mercado, a seguir à Dinamarca - de onde é originária a Navision -, à Espanha e à Alemanha.




As novas soluções ERP

Resolvendo, segundo a fabricante, alguns problemas detectados na versão anterior e, no que diz respeito ao mercado nacional, integrando algumas alterações sugeridas por parceiros e clientes, a Microsoft-Navision 3.7 apresenta o módulo de gestão dividido em quatro (recepção de armazém, envio de armazém, recolha e arrumação) e dependendo do nível de complexidade requerido, os clientes podem pagar apenas os elementos que acharem necessários, ampliando a solução posteriormente quando o desejarem. Adicionalmente, foram criados dois novos módulos - versões menos complexas do módulo de Gestão de Armazém, designados Posições e Configurações de Posições.



Entre as novas características da solução Microsoft para o mercado empresarial estão igualmente as melhorias ao interface, para uma utilização mais fácil, e as melhorias ao nível da integração com o Outlook, nomeadamente através da sincronização transparente com a Gestão de Contactos do Microsoft-Navision.



A Microsoft Business Solutions anunciou também hoje o Microsoft-Navision Standard, uma versão do produto que se destina essencialmente às pequenas empresas que queiram ter acesso a uma aplicação de gestão "integrada, completa e escalável".



O Microsoft-Navision Standard permite até um máximo de 10 utilizadores simultâneos e tem um número de funcionalidades mais reduzido do que a versão completa, mas que passam pela Contabilidade Geral, Vendas e Cobranças, Compras e Pagamentos, Gestão de Stocks, Recursos Humanos, Imobilizado, Compradores/Vendedores, Dimensão avançadas e básicas. "Na versão Standard colocámos apenas as funcionalidades que julgamos fazerem sentido no segmento para o qual a solução se dirige", salientou Paulo Leal, director da Microsoft Business Solutions Portugal.



O preço da Microsoft-Navision Standard é 30 por cento inferior à versão completa do Microsoft-Navision, podendo o cliente mais tarde migrar para a 3.7. Associado ao lançamento da edição Standard há igualmente um programa de financiamento que permite o pagamento da solução em 36 meses sem juros.



Primeira solução de CRM da Microsoft chega no final do ano

O evento promovido hoje pela Microsoft serviu ainda para fazer o pré-anúncio do Microsoft Business Solution - CRM, a primeira solução global de Customer Relationship Management da Microsoft, que entretanto deverá ser disponibilizada internacionalmente até ao final do corrente ano. Nessa altura em Portugal só estará disponível a versão em inglês do produto (ver Notícias Relacionadas).



Segundo os responsáveis da Microsoft Business Solutions esta é uma solução de fácil utilização, implementação e manutenção destinada a suportar e automatizar as estratégias de CRM das pequenas e médias empresas.



Construída em infra-estrutura .NET, o Microsoft - CRM pode ser acedido através da aplicação e do Outlook e permite a integração de toda a informação, garante a Microsoft Business Solutions.




Notícias Relacionadas:

2003-07-25 - Microsoft alarga suporte de línguas no CRM mas ainda não inclui português

2002-11-03 - Entrevista-Microsoft Business Solutions dinamiza oferta de soluções de negócios

2002-10-30 - Soluções Navision integram principal aposta da Microsoft Business Solutions em Portugal

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.