Atualmente já é possível acompanharmos a localização exata das nossas encomendas, mas a funcionalidade também seria útil se aplicada à bagagem que transportamos em viagem. Afinal, depois de despachada, resta rezar para que não se perca no caminho. E foi por isso que a British Airways decidiu criar um sistema RFID que dará aos viajantes a possibilidade de acompanharem a posição das suas malas.

E se o seu assistente virtual conseguisse prever os atrasos que vão afetar o seu voo?
E se o seu assistente virtual conseguisse prever os atrasos que vão afetar o seu voo?
Ver artigo

O sistema vai funcionar com base numa etiqueta eletrónica, chamada ViewTag, que pode ser registada ainda antes de chegar ao aeroporto. Depois de fazer o check-in online com a app da British Airways, o passageiro pode sincronizar a bagagem com as informações do voo.

Os passageiros da companhia aérea podem comprar a etiqueta por 63 libras. As etiquetas estão equipadas com Bluetooth de baixa energia e um display de tinta eletrónica que exibe as informações do voo. Cada tag pode ser utilizada cerca de 3 mil vezes e não precisa de ser carregada.

Atualmente, o único constrangimento é que a etiqueta só pode ser utilizada em voos diretos.

tek rfid

A ideia por detrás da integração desta tecnologia está em garantir que não se perdem malas no processo de despacho. Adicionalmente, o processo de registo de bagagem torna-se mais ágil.

Em 2016, a localização de malas perdidas custou cerca de 2 mil milhões de dólares às companhias aéreas.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.