A nova versão do sistema operativo da Microsoft para servidores de empresas foi hoje apresentada a nível mundial. A Portugal o Windows Server 2012 chega a 3 de outubro, anunciou a empresa em território nacional.

O software foi concebido para tirar partido da computação na nuvem, tendo sido "concebido em ambiente cloud computing" e constituindo a base do Cloud OS, realça a fabricante.

"O sistema operativo tem sido o coração da informática e está agora a ser submetido a uma renovação, enquadrada na nova realidade dos serviços contínuos de computação na cloud, número e diversidade dos dispositivos conectados e o crescente volume de dados", afirmou o presidente da área de Server and Tools Business na Microsoft, Satya Nadella, durante a apresentação.

"A experiência da Microsoft nos sistemas operativos, aplicações e serviços de computação na nuvem dá-nos a capacidade de apresentar o conceito CloudOS, com base no Windows Server e no Windows Azure, ajudando os clientes a conseguir um centro de dados sem limites", acrescenta o responsável.

Segundo a gigante de Redmond, o Windows Server 2012 foi concebido para estar apto a disponibilizar mais de 200 serviços na nuvem, funcionando por isso como uma solução que "amplia a definição de um sistema operativo servidor, integrando tecnologias tradicionalmente independentes, como é o caso da capacidade de armazenamento avançado, trabalho em rede, virtualização e automação".

Maior velocidade, escala e potência para os centros de dados e aplicações são algumas das promessas da solução lançada hoje - que, em combinação com o Azure e o System Center, deverá dotar as empresas da capacidade de gerir e fornecer aplicações e serviços em nuvens privadas, alojadas em parceiros ou públicas.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.