Esta é a altura das principais lojas de retalho se “vestirem” do cheiro a cadernos novos. E da despesa em material escolar, entre livros, cadernos, lapiseiras, canetas, mochilas e estojos, pesar no bolso dos encarregados de educação.

As famílias portuguesas contam gastar, para o ano letivo 2018/19, uma média de 487 euros em material escolar, o que representa mais 22% - “traduzidos” em 88 euros - do que no ano passado, segundo dados do Observador Cetelem.

Tendo em conta o peso da despesa para os agregados, nos últimos anos as campanhas de regresso às aulas têm-se multiplicado, tanto em número de espaços abrangidos como no conjunto de artigos incluídos. Agora, além dos itens óbvios, chega a haver vestuário e outros acessórios nas promoções, mas também tecnologia. FNAC, Jumbo, Staples e Worten têm campanhas de preços mais baixos onde não esquecem computadores e periféricos, tablets e smartphones e, por vezes, até bicicletas elétricas nos packs de material escolar.

As vendas de tecnologia e eletrónica na altura do regresso às aulas chegam a representar um pico de vendas nesta altura para muitas das retalhistas. “Não é tão importante como o Natal mas é significativo”, apontou fonte do Grupo Auchan em declarações ao SAPO TEK, falando num peso a rondar os 10% das vendas anuais.

Na Staples a representatividade é ainda maior. “As vendas de tecnologia são importantes ao longo do ano, havendo alguns picos de venda assinaláveis, como por exemplo no Natal. No período do regresso às aulas é também muito importante, representando cerca de 20%”.

Portáteis, smartphones, tablets, armazenamento digital, mas também uma vasta gama de acessórios, nomeadamente colunas portáteis e auriculares/auscultadores são as apostas da retalhista para este ano letivo.

Do “rei e senhor” computador às bicicletas elétricas

O regresso às aulas também é um dos momentos mais importantes do ano para a Worten na área de informática. “Na preparação deste período, pensamos cliente mais do que nunca para prepararmos as melhores propostas de valor, que sirvam da melhor forma as necessidades do cliente nesta altura. No caso do Regresso às Aulas, estamos a dirigir-nos aos miúdos/jovens e, claro, aos pais”.

Este ano os destaques da loja do Grupo Sonae vão para os packs de computadores com impressora, software e acessórios. Também está em vigor a campanha de retomas, “porque sabemos que esta é a altura de comprar um computador novo, de renovar o computador que temos lá em casa”, justifica-se. “Basicamente, na compra de um computador novo de preço igual ou superior a 399, o cliente pode enviar-nos o seu computador antigo e receber 200€ de retoma”.

Na Box da Auchan também há sempre promoções e novidades nesta época, em especial em computadores portáteis, tablets, smartphones, pens e discos rígidos externos, “as categorias clássicas para esta altura do ano”.

A ideia é que os computadores são ainda os "reis e senhores" do regresso às aulas, “o que mudou foi a chamada portabilidade: o cliente quer é computadores e tablets mais finos, mais leves e com grandes autonomias”.

A FNAC continua a apostar na tecnologia, como habitualmente, “aliás é uma das nossas áreas mais fortes”, sublinha fonte da retalhista que salienta o interesse, cada vez maior, dos clientes nesta área “principalmente em tablets, smartphones e portáteis leves”.

Por isso, não podia faltar a tradicional campanha de regresso às aulas, que decorre até 3 de outubro, que a retalhista apresenta como diferenciadora. “Temos grandes oportunidades como é o caso dos packs exclusivos FNAC que juntam vários artigos de tecnologia, desde 349,99€”.

Explica-se que estes packs, essencialmente informáticos, são uma espécie de "tudo-em-um" e apostam nas novas tendências de procura: portáteis mais leves e mais finos, que podem ser transportados para qualquer lugar.

São “soluções integradas de computadores portáteis e outros acessórios essenciais para estudantes e que nos permitem juntar vários artigos a um preço mais acessível”, salienta-se. “Procuramos, também, reforçar a nossa oferta com novidades em tecnologia, nas categorias de smartphones e mobilidade urbana, como as trotinetes e bicicletas elétricas, e acompanhar as tendências nas áreas de papelaria”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.