A primeira versão completa do formato Blu-ray para discos ópticos só de leitura (read only) foi esta semana aprovada pela entidade que tem conduzido os trabalhos de normalização para a tecnologia de lazer azul, aplicada a alta definição de vídeo.



Esta especificação, que compete com o formato HD-DVD para se transformar no standard base da próxima geração de DVDs, começará agora a ser usada pelos fabricantes que devem colocar os primeiros BD-ROM no mercado ao longo do próximo ano. Para já, está confirmado o interesse da Sony em avançar com filmes de alta definição na próxima geração da PlayStation -conforme o TeK já havia noticiado.



Por anunciar estão ainda os royalties a cobrar pela utilização do formato e outros componentes da tecnologia como o número de codecs suportados, etc.



Face ao formato DVD, o Blu-Ray - e o formato concorrente HD-DVD - baseiam-se em laser azul (contra o anterior lazer vermelho) o que permite capacidades de armazenamento mais elevadas, até um limite de 50 GB dispostos em duas faces do disco, contra os anteriores 4.7 GB permitidos pelos formato DVD.



Do consórcio fundador do formato Blu-ray fazem parte empresas como a Dell, HP, LG, Pioneer, Samsung, entre outras, num total de 13 entidades. As versões regravável e gravável do Blu-ray estão já normalizadas e disponíveis no mercado japonês através de produtos fabricados pela Sony e Panasonic.



Notícias Relacionadas:

2004-08-09 - PS3 vai incorporar formato Blu-ray

2002-11-11 - DVD Forum escolhe especificação para futura geração de DVD

2002-02-20 - Fabricantes de electrónica lançam novo formato de DVD com laser azul

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.