José Moreira tem 30 anos. É programador web, ligado às tecnologias open source e foi o único português a garantir presença no concurso de programação Node.js Knockout, uma maratona de programação que aconteceu entre os dias 28 e 30 de Agosto. Procurou patrocínios que o levassem aos Estados Unidos para participar no desafio a partir dos locais preparados pela organização e patrocinadores, para fomentar a troca de contactos nas 48 horas de prova, mas não conseguiu e por isso trabalhou mesmo a partir de Portugal.



Como explicou ao TeK, respondeu ao desafio de desenvolver de raiz uma aplicação Web em node.js com "uma interface para o Twitter, que em vez de se apresentar em coluna, como é habitual, usa tabuladores a simular janelas de IRC", detalha.



Garante que a aplicação assegura uma forma mais fácil de seguir tópicos de interesse para o utilizador, que pode pesquisar a partir dos nomes das salas de chat criadas.



O resultado do concurso, no qual participaram 215 equipas, deve ser conhecido no próximo fim-de-semana. Até quinta-feira (às 23:59), o público em geral pode votar nas aplicações a concurso, para decidir o vencedor na categoria Aplicação Mais Popular, uma entre as várias com direito a prémio.



Enquanto espera pelo resultado do concurso, José Moreira tem estabelecido contactos para garantir que o projecto terá sequência, mesmo que não saia vencedor da prova, e assegura que já teve respostas de entusiasmo.



O Node.js é uma framework web que usa o "interpretador V8 da Google e que permite aos programadores criar aplicações em tempo-real, baseadas em eventos, completamente desenvolvida em Javascript", explica José Moreira, acrescentando que "esta é uma tecnologia de vanguarda, que está a criar muita excitação".

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.