O mercado de servidores registou um crescimento surpreendente de 2 por cento no terceiro trimestre deste ano, o que se traduziu em receitas de 10,8 mil milhões de dólares em vendas deste tipo de produtos - especialmente sistemas de low-end - conclui a IDC num estudo de mercado ontem anunciado. Este foi o segundo trimestre consecutivo de crescimento deste mercado, isto depois de nove trimestres em queda devido ao declínio do ciclo económico iniciado no ano de 2000.

Por trás deste crescimento - que duplicou as previsões iniciais da IDC - está em grande parte a venda de servidores de gama baixa, que registaram um acréscimo de 19,5 por cento em relação ao ano transacto. A área de servidores de média gama para médias empresas cresceu 7 por cento em comparação com o mesmo trimestre do ano anterior, enquanto no segmento de servidores de gama alta as receitas caíram 14 por cento. Para a IDC estes dados verificam-se, em grande parte, devido às restrições orçamentais das empresas a nível de tecnologias da informação.

Em nítido crescimento estão também os servidores que utilizam sistema operativo Linux - sempre a crescer desde o início do ano - os quais atingiram receitas de 743 milhões de dólares no terceiro trimestre de 2003, ou seja, mais 49,8 por cento do que no mesmo período de 2002.

Ao nível de marcas, o topo da tabela das mais vendidas continua a ser ocupada pela IBM que aumentou a distância em relação à segunda classificada, a Hewlett-Packard, seguidas da Sun Microsystems e da Dell - com a última a colar-se cada vez mais à Sun.

Notícias Relacionadas:

2003-11-04 - Mercado de servidores mantém crescimento acima dos 10% no terceiro trimestre

2003-09-01 - IBM lidera mercado mundial de servidores

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.