A mais recente versão do sistema operativo da Microsoft já vendeu mais de 100 milhões de cópias. A informação foi avançada por Bill Gates que discursava na abertura de mais uma edição da CES, a feira da electrónica que acaba de arrancar em Las Vegas nos Estados Unidos.



Os números divulgados por Bill Gates não foram apresentados com uma referência temporal que permita perceber quando foi atingida a marca. Os últimos números oficiais apontavam para vendas na ordem dos 88 milhões de licenças vendidas até final de Setembro.



O discurso do ainda presidente da Microsoft foi o último de muitos anos a marcar a abertura anual do evento americano, já que este ano o fundador da Microsoft concretiza o já anunciado afastamento parcial da empresa, com a qual passará a colaborar apenas em part-time.



Bill Gates também aproveitou a ocasião para anunciar um novo leque de parcerias entre a Microsoft e várias empresas de conteúdos e electrónica, acordos que a prazo permitirão reforçar a presença da empresa na Internet e na área da televisão.



As tendências de mercado foram outro ponto focado no discurso do fundador da Microsoft, que destacou o crescimento exponencial das redes sociais ao longo do último ano e anteviu um cada vez maior sucesso para os serviços de navegação móvel. Nesta linha mostrou um gadget que permite escolher uma pessoa ou local e pesquisar informação, um equipamento que a empresa não vê como stand alone mas como uma opção para integrar num produto mais abrangente.



Notícias Relacionadas:

2007-01-08 - Entretenimento e aplicações para a casa centram discurso de Bill Gates na CES

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.