A loucura das compras começa mais cedo e a Amazon quer ser o rosto da sexta-feira "negra" em todo o mundo. Segundo o Mashable, a empresa liderada por Jeff Bezos promete que a cada dez minutos, já a partir de domingo, os internautas vão poder encontrar o "negócio" do dia.

A loja da Amazon dedicada ao Black Friday já está a operar desde o primeiro dia de novembro, mas ainda não é possível fazer nenhuma compra. Ainda assim a empresa promete descontos de 20% em tablets e portáteis, de 30% em televisões e câmaras digitais e de 40% em alguns jogos para a Xbox 360.

Resta aos internautas portugueses ficarem atentos e tentar adquirir equipamentos tecnológicos a preços competitivos. Mas atenção ao que compra: não se esqueça de juntar os portes de envio e a possibilidade de pagar taxa alfandegária ao total da fatura.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.