Na primeira semana de disponibilização a versão 10 do browser da Opera já chegou a 10 milhões de equipamentos. O número é um recorde e a empresa acredita que tem um significado: os utilizadores estão finalmente a descobrir alternativas aos nomes mais populares do mercado.

A empresa adianta ainda que há um mix equilibrado de novos e utilizadores repetentes, entre os que descarregaram a mais recente versão, que aposta em novas funcionalidades e uma navegação mais rápida, mesmo para quem navega a partir de ligações mais lentas ou pouco estáveis.

Esta melhoria, introduzida com o upgrade, traduz-se na tecnologia Turbo, que permite compactar a informação de forma significativa antes de a transportar. O utilizador pode ligá-la e desligá-la quando quiser.

De acordo com os números da Opera, a empresa acumula actualmente 40 milhões de utilizadores activos na versão do browser para computadores.

Os dados do StatCounter mostram que em termos globais este valor dá à empresa uma quota de 2,74 por cento, numa mercado que continua a ser controlado pelo Internet Explorer - com uma quota de 58 por cento -, cada vez mais perseguido pelo Firefox, que já acumula uma quota de 31,5 por cento.

O Opera 10 está disponível em 43 línguas e tem versões para Windows, Mac e Linux.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.